_autora

Cecilia Pavón

 

_editora

Edições Jabuticaba

_tradutora

Clarisse Lyra e Mariana Ruggieri

 

_sobre
A poesia de Cecilia Pavon é atravessada por aquilo que o mundo literário geralmente expulsa: a vida cotidiana em seus aspectos mais banais. A banalidade do ritmo diário aqui, no entanto, é um ritmo bastante mágico - a busca pela luminosidade adequada e a disposição em acolher os pequenos absurdos que podem oferecer uma cozinha ou a quadra do bairro. Pavón se locomove pela cidade da mesma maneira que traslada pela poesia, patinando entre o esquisito e a ternura, pedalando para encontrar amigos, distraindo-se com as cores de uma loja de doces, ao mesmo tempo que reflete sobre o próprio ato de escrever e sua banalidade também mágica.

 

Cecilia Pavón nasceu em Mendoza, na Argentina, em 1973. Entre poemas e contos, já publicou mais de 10 livros, tais como ¿Existe el amor a los animales? (2001), Caramelos de Anís (2004) e Un hotel con mi nombre (2012). Junto com Fernanda Laguna criou em 1999 o coletivo, galeria e selo editorial independente Belleza y Felicidad.

Discoteca selvagem_ Cecilia Pavón

R$ 30,00Preço
    tel: 11 965 324 807
    abancavermelha@gmail.com
    r artur de azevedo, 1818, pinheiros
    são paulo - sp